Áreas de Aplicação

VER TODAS

Indústria Moveleira

VER PRODUTOS PARA A APLICAÇÃO

O trabalho das cantoneiras de EPS (isopor) na indústria moveleira


A indústria moveleira pode ser considerada uma das mais antigas do mundo, pois deriva dos carpinteiros e artesãos produtores de móveis, que com a revolução industrial passaram a utilizar máquinas e ferramentas visando obter economias de esforço e tempo. Os avanços proporcionados pela industrialização permitiram a padronização e os ganhos de escala, de maneira que os móveis deixaram de ser produtos artesanais para se tornarem produtos industrializados. Dada esta trajetória de desenvolvimento, a indústria de móveis é classificada, atualmente, como uma indústria tradicional, com tecnologia de produção consolidada e amplamente difundida. Por sua vez, o dinamismo tecnológico desta indústria é determinado pelo aprimoramento do design, pelas máquinas e equipamentos utilizados no processo produtivo e pela introdução de novos materiais. É um dos setores mais expressivos da indústria de transformação do país e para acompanhar essa demanda vem à tona há necessidade de proteção na armazenagem, manuseio e transporte. As cantoneiras de EPS (isopor) são ideais para que a logística dos produtos derivados da indústria moveleira ocorra com segurança e chegue ao destino final com a qualidade necessária.


Principais polos de produção moveleira no Brasil


As regiões Sul e Sudeste concentram 80% do número de empreendimentos da movelaria, com 83% dos empregados do setor e 73% do faturamento da indústria nacional de móveis. Também é na região Sul que está o maior número de empresas exportadoras, especialmente no Rio Grande do Sul. O estado possui 13,3% das empresas nacionais, que respondem a 18,4% do total de móveis fabricados no país e 31,1% das exportações.